Please reload

Posts Recentes

Planejamento gráfico de livro pode ampliar interesse de leitor sobre uma obra

November 22, 2019

1/9
Please reload

Posts Em Destaque

Como criar conexão com seus leitores e fazer eles gostarem e lerem seus textos até o final?

March 29, 2019

 

Quanto tempo você gasta para prestar atenção em um notícia, livro ou até uma postagem nas redes sociais? Um minuto? Uma pesquisa da Microsoft mostrou que o tempo médio de atenção das pessoas caiu de 12 segundos em 2000 para oito em 2013. Para termos de comparação, um peixinho dourado é capaz de se manter atento por até nove segundos. Veja só!  Estamos bem pouco a frente dos nossos amigos do mar.

 

E essa pesquisa tem tudo a ver com o tema de hoje do meu post: Como criar conexão com os leitores por meio de seu textos? Trata-se de uma pergunta que eu sempre escuto no início de um projeto como BookAdvisor. Outra bastante comum é: De que forma podemos construir textos que prendam a atenção do leitor do começo ao fim da obra?

 

Com quase 600 livros editados e muitos anos orientando autores, compartilho com você algumas estratégias que aumentarão bastante a qualidade de sua escrita e o interesse dos leitores pelos seus textos.

 

A primeira: os textos de seu livro devem ser ricos em conteúdo. Evite a superficialidade e aprofunde-se no assunto que está abordando, traga muitos detalhes sobre ele, coloque no texto suas opiniões a respeito, dê exemplos do dia a dia para facilitar a compreensão do leitor. Desenvolver um tema em profundidade não torna o livro chato e não dificulta sua compreensão. Ao contrário: é completamente viável aprofundar-se escrevendo um texto simples e de fácil compreensão.

 

A segunda é produzir textos que “falem a língua” de seu público. Por exemplo, se você estiver escrevendo um livro de ficção jovem, é importante que tenha contato próximo com jovens que sejam potenciais leitores de seu livro. Como eles se comunicam em uma conversa entre iguais e como conversam com pessoas de outras idades? Você pode também ler obras de autores consagrados que escrevem para este público e analisar como constroem o seu “storytelling”.  Se homens e mulheres de negócios adoram as suas palestras é porque apreciam o conteúdo de sua fala e também a forma como você se comunica e transmite suas mensagens a eles. Portanto, escreva o seu livro de gestão e negócios exatamente da forma como você fala em suas palestras. Não queira ser outra pessoa em seus textos.

 

Em essência, estamos falando de empatia. Ao se colocar no lugar de seus leitores, você escreve sobre assuntos com os quais eles se identifiquem, associando o conteúdo ao que eles vivem no dia a dia. Ao escrever, acolha o leitor como costuma fazer com as pessoas que são muito importantes para você.

 

Por fim, é importante ter muita atenção ao escolher as palavras em que utilizará em seu texto. Evite o uso de  termos técnicos ou palavras específicas não familiares ao seu leitor em uma conversa gostosa e envolvente. Um texto não precisa ser rebuscado. A beleza está na simplicidade. Ele precisa, sim, transmitir a mensagem aos leitores de uma forma clara e gostosa.

 

* Eduardo Villela é book advisor e, por meio de assessoria especializada, ajuda pessoas, famílias e empresas  na escrita e publicação de suas obras. Mais informações em www.eduvillela.com

 


 

Please reload

Siga
Please reload

Procurar por tags
Please reload

Arquivo
  • Facebook Basic Square